Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on print
Print

Ana Sátila conquista prata em etapa da Copa do Mundo de canoagem na França

A atleta da fronteira trinacional foi a segunda melhor do mundo no K1 Extremo; são dois pódios internacionais depois das Olimpíadas de Tóquio.

A modalidade em caiaque fará parte do programa olímpico de 2024 – Foto: Divulgação/Time Brasil

 

A atleta brasileira Ana Sátila ficou com a medalha de prata na prova do K1 Extremo na etapa da Copa do Mundo de canoagem slalom na França. A conquista foi domingo, 12, nessa modalidade em caiaque que fará parte do programa olímpico de 2024.

Moradora de Foz do Iguaçu desde 2012, Ana Sátila fez história nas Olimpíadas de Tóquio, no Japão, como a primeira brasileira a disputar uma final olímpica na canoagem slalom. Ela foi recebida com festa e homenagem na cidade.

Depois do feito olímpico em solo japonês, a canoísta já chegou ao pódio internacional com um bronze obtido na Espanha, durante etapa disputada em La Seu d’Urgell. Agora, Ana Sátila sagrou-se a segunda melhor do mundo no K1 Extremo na disputa mundial na França.

“É prata! Ana Sátila conquista a prata no extreme da etapa da França, na Copa do Mundo de canoagem slalom. A prova é uma das novidades do programa de Paris 2024 [Jogos Olímpicos]”, comemorou o Time Brasil, que é a marca a representar os atletas brasileiros.

No Mundial da França, os brasileiros Pedro Gonçalves (Pepê) e Mathieu Desnos disputaram o K1 e o K1 Extremo. Mathieu terminou na 12ª posição no K1, e Pepê parou nas classificatórias do K1 e do K1 Extremo.

Paulo Bogler – H2FOZ   / (Com informações da Confederação Brasileira de Canoagem)