Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on print
Print

Atualização do Google Tradutor terá guarani, quechua e aimará

Anúncio do novo pacote de idiomas foi feito nessa quarta-feira (11), na sede da empresa nos Estados Unidos.

.

.

Em breve, a leitura de textos em guarani ficará mais fácil para os moradores da região fronteiriça. Em evento nessa quarta-feira (11), nos Estados Unidos, a Alphabet, empresa que controla serviços como o Google Tradutor, confirmou que a ferramenta passará a incluir mais 24 idiomas, entre eles o guarani, o quechua e o aimará.

Atualmente, o buscador Google já conta com uma versão em guarani, idioma do tronco ameríndio falado por cerca de dez milhões de pessoas no Paraguai (onde tem status de língua oficial), Argentina (língua oficial na província de Corrientes), Bolívia e Brasil. A inclusão no Google Tradutor é a grande novidade no anúncio.

Além do guarani, outras duas línguas sul-americanas fazem parte do pacote: o quechua, usado por cerca de dez milhões de habitantes no Peru, Bolívia e Equador, e o aimará, falado por pelo menos dois milhões de bolivianos, peruanos e chilenos.

A atualização do Google Tradutor engloba, principalmente, idiomas africanos e asiáticos, suprindo lacunas na cobertura do serviço. Falares regionais de países onde o português é língua oficial, como o lingala (Angola) e o tsonga (Moçambique), também fazem parte da lista, que tem o bhojpuri, do Norte da Índia, como o idioma mais falado (50 milhões).
.

Logomarca do Google Tradutor. Imagem: Reprodução

.

No último final de semana, dois professores de Puerto Iguazú lançaram, na Feira Internacional do Livro, em Buenos Aires, um inédito dicionário de mbyá guarani, que inclui um “pentatradutor” para o guarani (ramo geral), espanhol, português e inglês. Para saber mais sobre o lançamento, noticiado pelo  site H2FOZ, clique aqui.

.

Veja a lista completa de novos idiomas adicionados ao Google tradutor, abaixo:

  • Assamês, falado no nordeste da Índia
  • Aymara, usado na Bolívia, Chile e Peru
  • Bambara, do Mali
  • Bhojpuri, falado no norte da Índia, Nepal e Fiji
  • Dhivehi, das Maldivas
  • Dogri, usado no norte da Índia
  • Ewe, falado em Gana e Togo
  • Guarani, com falantes no Paraguai, Bolívia, Argentina e Brasil
  • Ilocano, do norte das Filipinas
  • Konkani, falado na Índia Central
  • Krio, de Serra Leoa
  • Curdo (Sorani), usado principalmente no Iraque
  • Lingala, falado na República Democrática do Congo, República do Congo, República Centro-Africana, Angola e República do Sudão do Sul
  • Luganda, falado em Uganda e Ruanda
  • Maithili, usado no norte da Índia
  • Meiteilon (Manipuri), usado no nordeste da Índia
  • Mizo, falado no nordeste da Índia
  • Oromo, falado na Etiópia e Quênia
  • Quechua, usado no Peru, Bolívia e Equador
  • Sânscrito, ainda usado na Índia
  • Sepedi, falado na África do Sul
  • Tigrinya, falado na Eritreia e Etiópia
  • Tsonga, usado em Eswatini (Suazilândia), Moçambique, África do Sul e Zimbábue
  • Twi, idioma falado em Gana

 

.

Por